Futebol em Macaé

De Orelha a Orelha

Milena Kroll

Um campeão com sorriso de orelha a orelha.

O Enseada FC superou todas as expectativas e, com grande atuação da garotada comandada por Matheus Babi, e pelos irmãos Orelha (Matheus Reis e Marcos Vinícius), goleou o forte time da Agropecuária Santa Helena por 5 x 2, e conquistou o Campeonato Municipal de F7 2018.

A partida final, disputada no sábado, na Arena Maracanã, atraiu um público quente que vibrou muito com um jogo de excelente qualidade.

A decisão tinha vários fatores de atração. O principal era o fato do Santa Helena ser formada, basicamente, por craques experientes, enquanto o Enseada possuía um plantel maior, repleto de jovens talentos.

“A minha previsão acabou se confirmando. O Enseada, com Babi e os irmãos Orelha puxando uma garotada super talentosa, com a segurança do Fabão, um goleiro cinematográfico, foi conquistando supremacia através do desenrolar do jogo. Uma quantidade maior de craques, aliada a uma preparação física excepcional, proporcionou que a equipe fosse conquistando vantagem no placar. O Santa Helena, comandado pelos cascudos Felipe Bichara, Vagão e Fábio Flor, só resistiu no primeiro tempo, 2 x 2. No final, Enseada 5 x 2.

Marcos Vinícius, o Orelha original, fez 1 x 0 nos primeiros instantes de jogo. A seguir, Felipe Bichara empatou o jogo.

“A arbitragem adotou uma tática pouco inteligente para uma final tão quente. Eles deixaram o jogo correr. Inúmeras faltas claras deixaram de ser apontadas. O correto seria apitar tudo. O jogo esquentou e a indisciplina atrapalhou o primeiro tempo”, analisou Guilherme Kroll, editor-chefe do Portal Futebol em Macaé, que já comandou departamento de arbitragem por muitos anos. “Teve jogador brigando até por cobrança de lateral. Isso não é bom”.

Saulinho colocou o Enseada na frente novamente. O Santa Helena empatou novamente num gol contra de Dener, numa jogada do forte Élton. Final do primeiro tempo: 2 x 2.

“Gosto de analisar talentos. Faço questão de destacar dois jogadores no Enseada: Matheus Babi e Josué Peçanha. O Babi já brilhou no Sub-20 do Grêmio (RS) e atuou nessa temporada no Macaé Esporte. Os dois possuem biotipo apropriado para brilhar na Europa”, prosseguiu Kroll.

Matheus Reis, irmão do Orelha, anotou 3 x 2 no início do segundo tempo. Éverson Rodrigues fez 4 x 2. Matheus Babi, o MVP (most valuable player) da competição, fechou a goleada com mais um golaço.

“A amizade é a marca registrada do nosso time. Aqui não tem dinheiro. Todos colaboram, mas não falta alegria”, declarou Babi ao receber sua medalha.

O goleiro Diego (36) foi reverenciado pelos seus colegas. “Estou muito feliz por poder colaborar com nossa molecada. O Santa Helena é um time mais tático. O nosso, mais técnico. O condicionamento físico nos ajudou.

“Foi importante conquistar o Municipal de F7 porque vamos representar a Liga no Estadual F7, em Friburgo, de 2 à 4 de novembro”, declarou o técnico e gestor do Enseada, Marcos Souza. “Temos um plantel espetacular. Muito homogêneo. Teve jogador de nível que nem entrou hoje. O jogo estava muito quente. Às vezes, não dá para lançar um atleta frio numa decisão que está fervendo. Sem falsa modéstia, somos os melhores. Ganhamos 6 das últimas 8 competições que disputamos”.

“Sofremos na parte financeira. Os jogadores se cotizam para comprar uniformes. Pagamos nossas inscrições. Estamos conseguindo captar alguns patrocinadores. Agradeço a Distribuidora Nova Opção, de Macaé, que está nos ajudando. A 4 Off Shore e a Minas Auto Escape também entraram no jogo. Estamos reconhecidos”, finalizou Marcos.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

shop giay nuthoi trang f5Responsive WordPress Themenha cap 4 nong thongiay cao gotgiay nu 2015mau biet thu deptoc dephouse beautiful